terça-feira, 16 de abril de 2013

Proposta de Redação - Os valores de uma geração


 

Imagine-se como um jovem que, navegando pelo site da MTV, se depara com o gráfico “Os valores de uma geração” da pesquisa Dossiê MTV Universo Jovem, e resolve comentar os dados apresentados, por meio do “fale conosco” da emissora. Nesse comentário, você, necessariamente, deverá:



a) comparar os três anos pesquisados, indicando dois (2) valores relativamente estáveis e duas (2) mudanças significativas de valores;

b) manifestar-se no sentido de reconhecer-se ou não no perfil revelado pela pesquisa.



I - Viver em uma sociedade mais segura, menos violenta.

A - Ter união familiar, boa relação familiar.

K - Ter uma carreira, uma profissão, um emprego.

H - Viver num país com menos desigualdade social / Viver numa sociedade mais justa.

C - Ter fé / Crer em Deus.

J - Ter amigos.

G - Ter uma vida tranquila, sem correrias, sem estresse.

B - Divertir-se, aproveitar a vida.

F - Ter independência financeira / Ter mais dinheiro do que já tem.

M - Poder comprar o que quiser, poder comprar mais.

E - Ter mais liberdade do que já tem.

D - Beleza física / Ser bonito.

Exemplo de Redação Acima da Média


 

Bom dia, pessoal da MTV!

Achei realmente muito interessante o gráfico apresentado no site, tanto que não me contive em deixar aqui o meu comentário. Gostaria, antes de tudo, de parabenizá-los pela ideia da pesquisa, uma vez que considero importantíssimo, não só para os jovens mas para toda a sociedade, acompanhar as mudanças que têm ocorrido ao longo das gerações no que se refere ao modo como os jovens se relacionam com diversos aspectos do mundo que os cerca. E nesse sentido, o gráfico é bastante esclarescedor.

Confesso que fiquei bastante impressionado com alguns dados da pesquisa. Eu, um jovem

extremamente defensor das vivências e das relações interpessoais, já que acredito que são fundamentais para a construção do caráter, ética e cidadania, fiquei espantado ao ver a queda apresentada no quesito “(J) ter amigos” entre os anos de 1999 e 2008. E igualmente perplexo ao notar que em apenas três anos, houve uma diminuição no número de jovens que consideram importante “(B) divertir-se e aproveitar a vida”. Fico me perguntando, até com certo pesar, se não seria esse um reflexo de uma sociedade cada vez mais refém dos avanços tecnológicos, da rapidez das informações, e da superficialidade das relações, favorecidas pelas milhares de redes sociais virtuais.

Ao mesmo tempo, é confortante ver que alguns valores como “(K) ter uma carreira, uma profissão, um emprego” e “(D) Ter beleza física/ser bonito” permanecem constantes ao longo dos anos, e mais satisfeito pelo primeiro quesito continuar elevado e o segundo permanecer em níveis “baixos”, ainda mais com o crescente bombardeio de propagandas e venda de padrões estéticos a que estamos sujeitos diariamente.

Por fim, tirando as discordâncias pessoais em alguns pontos, acho que compartilho da maioria das opiniões dos jovens de 2008. E estou ansioso para ver como os nossos filhos lidarão com as mesmas questões no futuro!

Análise da Comissão de Vestibular da Unicamp


 

A redação revela um leitura produtiva do gráfico e da proposta do texto 1. Conforme o proposto, a redação demonstra que o candidato construiu seu texto adotando a posição de um jovem motivado a comentar o gráfico “Os valores de uma geração” por meio do canal “fale conosco” do site da Emissora MTV. As marcas da interlocução são claras. O enunciador desse comentário se identifica explicitamente como um jovem já no segundo parágrafo e, em outros momentos do texto, atesta pertencer às gerações delimitadas pela pesquisa. Interpela diretamente seu destinatário, responsável pela pesquisa, no caso, a Emissora MTV, na saudação jovial com que abre o texto e no momento em que parabeniza a emissora pela pesquisa, logo no primeiro parágrafo.

O enunciador se identifica, de um modo geral, com as opiniões dos jovens de 2008, mas não deixa de sinalizar discordâncias e certas perplexidades com alguns índices revelados pela pesquisa. Para alguém que valoriza as relações interpessoais, surpreende-se, por exemplo, com a queda apresentada no quesito B (“ter amigos”). O candidato identifica os principais valores que permaneceram estáveis (como K e D) e se posiciona claramente em relação a eles. Revelando ainda uma leitura produtiva do gráfico, o candidato destaca a queda apontada pelos itens J e B. Em todos os itens mencionados, o candidato busca as motivações para os índices apontados no gráfico.

(Fonte:http://www.comvest.unicamp.br/vest_anteriores/2012/download/comentadas/redacao.pdf)

Nenhum comentário:

Postar um comentário