segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Sobre o ato de escrever:. O que o torna tão complicado?

 
 
 
     O ato de escrever é empregado, normalmente, quando a comunicação precisa se fazer por escrito. Seja escrevendo para outra pessoa, para um órgão governamental, para uma empresa ou mesmo para si, há sempre, nesse processo, interlocutores. Os interlocutores são os responsáveis por estabelecer o elo da comunicação escrita. Existem sempre, no mínimo, dois interlocutores: o que redige e o que lê – e, portanto, finaliza o processo daquela comunicação em si. Para quem escrevo? Com que finalidade? Quando escrevo? Qual a minha intenção? São perguntas que devem ser feitas sempre que o processo de produção textual se inicia. Essas perguntas nos auxiliam a projetar melhor nossas estratégias comunicativas, uma vez que o outro não sabe o que se passa em nossa cabeça. Escrevemos então, para expor nossas opiniões e ideias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário